Campeonato Mundial Militar de Judô reunirá medalhistas olímpicos e mundiais no Rio de Janeiro, em novembro

Nos dias 08, 09 e 10 de novembro, o Rio de Janeiro voltará a sediar uma competição internacional de judô com a presença de medalhistas olímpicos e mundiais. Dois anos após o Jogos Olímpicos Rio 2016, a Cidade Maravilhosa receberá o Campeonato Mundial Militar, que reunirá no Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (Cefan) alguns dos melhores judocas do mundo em disputas individuais e por equipes.

A competição faz parte do calendário do Conselho Internacional do Esporte Militar (CISM) e será organizada pelos Ministérios da Defesa e do Esporte em parceria com a Marinha do Brasil.

São esperados cerca de 200 judocas militares de 22 países, entre eles, potências do judô como França, Rússia, Azerbaijão, Cazaquistão, Sérvia, Holanda e China.

A seleção brasileira será representada por 18 atletas – 9 homens e 9 mulheres – que fazem parte do Programa de Incorporação de Atletas de Alto Rendimento às Forças Armadas Brasileiras. Foram convocados para a disputa judocas experientes, como a campeã olímpica Rafaela Silva (57kg/3ºSG-RM2-EP) e os vice-campeões mundiais David Moura (+100kg/3º SG-RM2-EP) e Maria Suelen Altheman (+78kg/3º SG-RM2-EP) ao lado de jovens como os campeões mundiais júnior Daniel Cargnin (66kg/3º SG-RM2-EP) e Rafael Macedo (90kg/3º Sgt). Confira abaixo a lista completa.

Entre os destaques internacionais estão Clarisse Agbegnenou, da França, atual vice-campeã olímpica e tricampeã mundial do peso meio-médio (63kg); Audrey Tcheumeo (78kg/FRA), também vice-campeã olímpica e campeã mundial; a cazaque Otgontsetseg Galbadrakh (48kg), medalhista de bronze no Rio 2016; Marie-Ève Gahié (70kg), da França, vice-campeã mundial em Baku neste ano; o iraniano Saeid Molaei (81kg), campeão mundial em 2018; Aleksandar Kukolj (90kg), da Sérvia, número 2 do mundo no ranking da FIJ; e Niaz Ilyasov (100kg), da Rússia, campeão mundial júnior e bronze no Mundial Sênior de Baku 2018.

A programação começará com as disputas por equipes masculinas e femininas no dia 08 de novembro no ginásio poliesportivo do Cefan.

As competições individuais começarão no dia 09, para as categorias 48kg, 52kg, 57kg, 60kg, 66kg e 73kg.

No dia 10, lutarão os judocas dos pesos 63kg, 70kg, 78kg, +78kg, 81kg, 90kg, 100kg e +100kg.

A última vez que o Brasil participou do Campeonato Mundial Militar de Judô foi em Astana, no Cazaquistão, em 2013. Com 14 medalhas dentro de 15 possíveis, o país ficou em primeiro lugar no quadro geral. Foram seis medalhas de ouro, sete de prata e uma de bronze. Maria Portela (70kg) ainda foi eleita melhor atleta da competição.

SELEÇÃO BRASILEIRA DE JUDÔ – 38º CAMPEONATO MUNDIAL MILITAR DE JUDÔ – RIO DE JANEIRO 2018

Seleção Masculina

60kg – 3º Sgt Eric Takabatake
66kg – 3º SG Daniel Cargnin
66kg – 3º Sgt Charles Chibana
73kg – 3º Sgt Marcelo Contini
81kg – 3º Sgt Eduardo Yudy Santos
90kg – 3º Sgt Rafael Macedo
90kg – 3º Sgt Eduardo Bettoni
100kg – 3º Sgt Leonardo Gonçalves
+100kg – 3º Sgt David Moura

Seleção Feminina

48kg – 3º Sgt Gabriela Chibana
52kg – 3º Sgt Jéssica Pereira
57kg – 3º SG Rafaela Silva
57kg – 3º SG Tamires Crude
63kg – 3º Sgt Alexia Castilhos
63kg – 3º SG Yanka Pascoalino
70kg – 3º Sgt Ellen Santana
78kg – 3º Sgt Samanta Soares
+78kg – 3º SG Maria Suelen Altheman

Competição por equipes

Masculino: 66kg, 73kg, 81kg, 90kg e +90kg
Feminino: 52kg, 57kg, 63kg, 70kg e +70kg

Fonte:CBJ

Leave A Reply